Parque Nacional de Itatiaia indicação de 11 atrações incríveis do parque.

postado em: Brasil | 8
101 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 100 LinkedIn 1 Filament.io 101 Flares ×

Segundo informações do site oficial do Parque Nacional de Itatiaia, este foi o primeiro parque Nacional do Brasil, criado em 1937 e está localizado na Serra da Mantiqueira. Sua área abrange os territórios de Resende e Itatiaia no estado do Rio de Janeiro, e Bocaina de Minas e Itamonte, no estado mineiro.

O acesso ao Parque Nacional de Itatiaia é feito pela Via Dutra, sentido São Paulo. A entrada da cidade fica logo depois do posto Graal. Não há dificuldade para encontrar o parque, assim que entrar na cidade de Itatiaia você verá as placas indicativas.

 

Portaria Parque Nacional de Itatiaia
Portaria Parque Nacional de Itatiaia

 

Itatiaia

Itatiaia é uma cidade muito nova, segundo o site Wikipédia, foi fundada em 1989, tem apenas 28 anos. Cidade pertencente ao Estado do Rio de Janeiro, e que faz divisa com São Paulo.

Não conheci muito da cidade, já que minha viagem estava focada na Vila de Penedo, conheci apenas o parque e um pedacinho do centro. E conheci o centro por causa de um perrengue…rs

No último dia da viagem deixamos para conhecer o Pico do Penedinho, (aqui explico como chegar ao pico), em Penedo logo pela manhã e depois rumamos para Itatiaia. Antes da partida, paramos na Fábrica de chocolate e comprei alguns chocolates deliciosos, e como a loja só aceita dinheiro como forma de pagamento, utilizei parte do dinheiro que tinha para esta compra.

Aí, após me perder um pouco na saída da vila de Penedo…rs, cheguei a portaria do Parque e só aí percebi que não tínha o valor total para as duas entradas do parque. Lá o pagamento também é somente em dinheiro, R$ 16,00 por adulto e faltavam R$ 0,60 centavos, tinha somente R$ 31,40. E não teve choro nem vela, ou você tem o valor completo, ou não entra…rs

A solução foi voltar parte do caminho, 7 km para ser mais exata, ir até o centro e procurar um caixa 24h. Fui até o centro da cidade, saquei o dinheiro. Bem depois de cometer este erro primário…rs voltei ao parque.

 

Borboleta Pousada em minha perna - Parque Nacional de Itatiaia
Borboleta Pousada em minha perna – Parque Nacional de Itatiaia

 

Parte Baixa do Parque Nacional de Itatiaia

Este perrengue passei para conhecer a parte baixa do parque. O caminho até as atrações é feito por uma estradinha meio asfaltada, meio de terra. Vá devagar, pois há muitos buracos e também para não atropelar os animais que podem cruzar o caminho.

Iniciei o passeio pela última parte, a mais alta.

Abaixo as atrações encontradas por lá, na ordem que as visitei.

  • Cachoeira Véu de Noiva: o acesso a esta cachoeira é feito por uma trilha em meio a mata. A trilha inicia no centro de apoio, onde há banheiros e sinalização das direções a seguir. Esta cachoeira é linda, fica a aproximadamente 260 metros do centro de apoio.
  • Cachoeira Itaporani: acesso por trilhas em meio a mata, numa bifurcação da trilha, onde de um lado esta a Véu de Noiva e de outro a Itaporani. Esta fica a aproximadamente 500 metros do centro de apoio.
Cachoeira Véu de Noiva - Parque Nacional de Itatiaia
Cachoeira Véu de Noiva – Parque Nacional de Itatiaia

 

  • Piscina Natural do Maromba: o acesso é feito por uma escada em frente o centro de apoio. São muitos degraus…rs. Mas o esforço valeu a pena. A vista da cachoeira e do lago é maravilhosa.
  • Museu da Fauna e da Flora: neste museu há fotos e a descrição de animais, plantas e insetos encontrados na Serra da Mantiqueira. Além de uma sala escura com vídeo sobre as belezas naturais locais, emocionante.

 

Piscina do Maromba - Parque Nacional de Itatiaia
Piscina Natural do Maromba – Parque Nacional de Itatiaia

 

  • Lago Azul: fica junto ao museu, numa estradinha do lado direito do estacionamento. A distância é de aproximadamente 500 metros e também há escadas. O lugar é lindo, vale muito a caminhada.
  • Mirante do Último Adeus: este foi o último ponto que visitei na parte baixa do Parque Nacional de Itatiaia. Dele se tem uma vista linda do vale e da Serra da Mantiqueira.
  • Três Picos: uma montanha que pode ser visitada por meio de trilhas. São 7 km de subida íngreme, feita com guias especializados. A subida e descida podem levar o dia todo de caminhada. É necessário assinar um termo de responsabilidade na entrada do parque para este passeio.

 

Lago Azul - Parque Nacional de Itatiaia
Lago Azul – Parque Nacional de Itatiaia

 

Parte Alta do Parque Nacional de Itatiaia

Á parte alta do parque é reservada para quem gosta de aventura, desafios e escalada. No local há alguns pontos para acampamento, um deles fica ao lado do Abrigo Rebouças.

Atrações da Parte alta.

  • Maciço das Prateleiras: este foi o passeio que escolhi fazer no parque. Uma caminhada por trilha e subida até o topo com uma altitude de 2.539 metros. Este era o planejado, porém, como a experiência é zero em escalada, fiquei na base das Prateleiras, que já é uma altitude bem razoável, 2.460 metros. De lá se tem uma vista incrível.

 

Maciço das Prateleiras - Parque Nacional de Itatiaia
Maciço das Prateleiras – Parque Nacional de Itatiaia

 

  • Pico das Agulhas Negras: minha pretensão inicial era subir o Pico das Agulhas Negras, com 2.791 metros de altitude, mas depois de falar com o guia desisti. Esta subida requer um bom preparo físico e coragem para enfrentar grandes altitudes em escalada. O que não é o meu caso, em se falando de escalada, por enquanto…rs

 

Pico das Agulhas Negras - Parque Nacional de Itatiaia
Pico das Agulhas Negras – Parque Nacional de Itatiaia

 

  • Pedra da Maçã e Pedra da Tartaruga: ficam do lado do Maciço das Prateleiras, para chegar até elas basta uma caminhada por trilha. Ótimo para fotos legais.
  • Cachoeira Aiuruoca: no caminho para o Maciço das Prateleiras, fica logo após o Abrigo Rebouças. Para chegar até ela é necessário descer um morro bem íngreme. A cachoeira é linda. Não desci até ela, estava bem cansada, mas o visual lá do alto também é bonito.
  • Pedra do altar: com 2.665 metros de altitude, o acesso é feito por caminhada até a base da pedra. Para atingir o cume é necessário subir por escalada.
  • Travessia: há vários tipos de travessias feitas dentro do parque, Travessia Ruy Braga, Ruy Braga com Água Branca, Serra Negra e Rancho Caído. Todas estas travessias podem ser feitas em um dia, ou dois dias com pernoite.

 

Pedra da Tartaruga - Parque Nacional de Itatiaia
Pedra da Tartaruga – Parque Nacional de Itatiaia

 

Dicas importantes para os passeios do Parque Nacional de Itatiaia
  • Não tente fazer estes passeios da parte alta, sem a ajuda de um guia especializado, a menos que seja muito experiente em escaladas;
  • Não deixe nada pelo caminho, muito menos seu lixo, nem mesmo cascas de frutas.
  • Siga exatamente as orientações de seu guia, não se arrisque;
  • Para fazer os passeios da parte alta, é necessário chegar cedo ao parque, por volta de 7h30, pois há limite de visitantes ;
  • Vá muito bem agasalhado a parte alta é muito fria, cachecóis, tocas e luvas são muito bem vindos. No inverno o local registra temperaturas negativas, quando estive por lá, fez 2 graus, e ventava muito;
  • Use protetor solar e óculos de sol;
  • Leve seus lanches e água, no caminho há também algumas minas para reabastecer;
  • Para visitar as cachoeiras da parte baixa, tome muito cuidado nos trechos dentro da mata, as pedras são muito escorregadias;
  • Utilize sapatos fechados de preferência tênis ou botas de tracking, tanto na parte alta, quanto na parte baixa.

 

Vista de cima do Maciço das Prateleiras
Vista de cima do Maciço das Prateleiras

 

Como fazer os passeios da parte alta

Quando estive no Parque Nacional de Itatiaia utilizei os serviços de guia do Marco Aurélio. Uma pessoa muito experiente, paciente e que nos deu muita segurança durante o passeio, super recomendo. Caso queira contrata-lo, segue seu e-mail marcoaurelioguia@hotmail.com

Para entrar na parte alta do parque também é cobrado ingresso no valor de R$ 16,00 por pessoa. No site do parque também tem indicação de  guias, foi lá que encontrei o contato do Marco Aurélio.

Com estas dicas sobre o Parque Nacional de Itatiaia, espero que você consiga aproveitar ao máximo sua viagem. Tem alguma dúvida que não esclareci aqui? Já foi para lá e fez algum destes passeios e quer contar sua experiência? Tem alguma outra dica? Deixe seu comentário aqui embaixo, terei prazer em responder. Até o próximo post.



Booking.com

101 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 100 LinkedIn 1 Filament.io 101 Flares ×
Seguir Alessandra Lima:

SEO e Editora

Sou Alessandra, uma pessoa apaixonada por viagens. Sou formada em Comércio Exterior e escrevo o blog De Cá Pra Lá desde 2014. Adoro ler e tirar fotos, principalmente das paisagens dos novos lugares que conheço. Seja bem vindo ao blog De Cá Pra Lá.

8 Respostas

  1. Esse parque é sem duvidas muito bonito, adoro!!

  2. Ai que lugar lindo! Que fotos coloridas e iluminadas! Amei as opções de cachoeira! Curtir a natureza é uma ótima forma de se desligar dos problemas cotidianos, né?! Fica tudo tão pequeno.

  3. Que parque incrível, Alessandra! Eu ainda não conheço, mas pelo seu post Itatiaia deve ser bem charmosa, já fiquei com vontade de conhecer e de ir comprar chocolate hahaha.
    As fotos estão lindas!

  4. Fui no parque fazem uns 3 anos, mas não conheci metade das atrações dessa lista! Sinal que preciso voltar urgentemente, tenho ainda muita coisa linda a descobrir por lá! 🙂

Deixe uma resposta