Passeio de Maria Fumaça em Bento Gonçalves e visita a Epopeia Italiana

postado em: Brasil, Parcerias | 6
103 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 101 LinkedIn 2 Google+ 0 Filament.io 103 Flares ×

Passei minhas últimas férias, em agosto, no Rio Grande do Sul conhecendo a Serra Gaúcha. A primeira cidade que conheci foi Bento Gonçalves e um dos passeios que fiz foi a viagem de Maria Fumaça.

Este passeio foi uma parceria feita pelo blog De Cá Pra Lá com a Giordani Turismo, para realizar esta viagem incrível pela Serra Gaúcha. Nesta parceria eu realizei não só o passeio de Maria Fumaça, mas um passeio incrível com várias experiências enogastronômicas. Vou contar tudo pra vocês aqui. Vem comigo!!!

 

Trem Maria Fumaça - Bento Gonçalves
Trem Maria Fumaça – Bento Gonçalves

 

Giordani Turismo e o passeio de Maria Fumaça

A empresa Giordani Turismo nasceu em 1992. Desde esta época é operadora oficial do passeio de trem a vapor Maria Fumaça. Um passeio incrível que passa pelas estações de trem de Garibaldi e Carlos Barbosa, saindo da cidade vizinha Bento Gonçalves.

Além do passeio de trem a vapor, em 2003 a Giordani Turismo criou o Parque Temático Epopeia Italiana, que conta a história da Imigração Italiana para a região.

A empresa oferece vários tipos de passeios combinando vários atrativos na região, neste link você encontrará todas as opções oferecidas. Além dos passeios, a Giordani Turismo também tem serviços de receptivo e transfer pela região.

Booking.com

Passeio de Trem Maria Fumaça
Passeio de Trem Maria Fumaça

 

Passeio de Maria Fumaça em Bento Gonçalves

Bem, vamos ao passeio que fiz pela Giordani Turismo. Não foi um simples passeio de Maria Fumaça, que já seria maravilhoso, pelo tanto de história e diversão que carrega, mas foi também um tour pelo Vale dos Vinhedos.

O passeio que escolhi fazer, foi Vale dos Vinhedos e Maria Fumaça, é um passeio que dura o dia inteiro. Parte dele é feito de ônibus de turismo, e parte com o trem a vapor.

Neste passeio está incluído:

Almoço típico Italiano;

Ingresso para Maria Fumaça;

Ingresso para o Parque Temático Epopeia Italiana;

Visita a Vinícola Miolo (o ingresso para visita não está incluso e custa R$ 30,00 por pessoa);

Visita ao Varejo da Tramontina;

Visita a Fetina de Formaio;

Transfer para o passeio.

O valor do pacote com estes passeios custa R$ 225,00 adultos e R$ 112,50 crianças de 6 a 12 anos, crianças menores 5 anos não pagam. Vou dar mais detalhes de cada local visitado. O passeio iniciou com a visita ao Parque Temático Epopeia Italiana.

Praça em frente a Estação de Carlos Barbosa
Praça em frente a Estação de Carlos Barbosa

 

Epopeia Italiana em Bento Gonçalves

O que é o Parque Temático Epopeia italiana? Na verdade é um museu iterativo, onde é reproduzida a história dos imigrantes italianos que vieram para o Brasil, e fundaram Bento Gonçalves.

Durante o passeio pelo parque o visitante é conduzido a experimentar as situações vividas pelos imigrantes. No percurso, por cenários da época, são apresentados vídeos e um ator caracterizado de imigrante faz a narrativa desta história emocionante.

Ao final do passeio os visitantes são recebidos com uma degustação de vinho, suco de uva e biscoitos caseiros tradicionais da região.

O parque pode ser visitado individualmente também. Está aberto na baixa temporada de terça a domingo, das 8h00 às 17h45. Na alta temporada (Julho, novembro e dezembro e primeira quinzena de janeiro) todos os dias no mesmo horário acima. O ingresso também tem preços diferentes para baixa e alta temporada, custa R$ 23,00 e R$ 25,00 respectivamente.

Epopeia Italiana - Passeio Maria Fumaça
Epopeia Italiana – Passeio Maria Fumaça

 

Visita a Vinícola Miolo

Saindo do parque temático, embarcamos em um ônibus de turismo e rumamos para o Vale dos Vinhedos. Durante o percurso nossa guia foi nos contando um pouco sobre a cidade e região, e sobre a história da Giordani Turismo.

A primeira parada foi na Vinícola Miolo, uma das mais tradicionais do Brasil, e que hoje se uniu a várias outras criando um grupo de produtores de vinhos. Uma das vinícolas pertencentes ao grupo é a Almadem.

Nesta visita uma enóloga nos apresentou as instalações da vinícola, contando a história do início da produção de vinhos. Segundo ela, o vinho que deu início a esta história foi chamado de Lote 43, este nome era o mesmo dado as terras onde se iniciou a plantação das videiras da Vinícola Miolo.

Este vinho foi super bem avaliado em suas diversas características e premiado mundialmente. As uvas utilizadas na sua produção continuam seguindo o mesmo padrão de características para manter sua qualidade. Devido a esta exigência este vinho é produzido somente em algumas safras, a última produção foi em 2012.

Ao final da visita, é feita uma degustação de quatro tipos de vinho produzidos pela Miolo. E depois é possível comprar os vinhos na loja da vinícola.

Achei esta parte do passeio incrível, além de conhecer uma história super interessante sobre a vinícola e da degustação de vinhos excelentes, as instalações da vinícola são maravilhosas.

Degustação Vinícola Miolo
Degustação Vinícola Miolo
Almoço Típico Italiano

Após a visita à vinícola partimos para o almoço em um restaurante típico Italiano. O restaurante fica também no Vale dos Vinhedos, e apesar do nome ser Giordani Gastronomia Cultural, não pertence a Giordani Turismo.

O restaurante é super aconchegante e o prédio onde ele está localizado é muito bonito, em uma casa antiga da região. O almoço foi no sistema de sequência de massas e carnes, o nosso famoso rodízio. Eram servidos 9 tipos de massas, 5 tipos de carnes, além de salada de folhas, maionese, polenta frita e batatas. Excelente o restaurante.

Ao lado do restaurante há uma casa especializada em geléias, sucos e massas, chamada Casa Madeira, há várias outras lojas espalhadas pelo Vale dos Vinhedos. Por lá são encontrados os mais variados tipos de geléias, sucos e chás e é possível degustar os produtos antes de se decidir qual comprar.

Após o almoço continuamos o passeio a caminho da cidade de Carlos Barbosa, onde iniciaríamos o passeio de Maria Fumaça. No caminho paramos em uma loja de chocolates maravilhosa, chamada Mondê, onde comi um fondue individual de morando dos deuses!!!

Restaurante Italiano Giordani Gastronomia Cultural
Restaurante Italiano Giordani Gastronomia Cultural

 

Próxima Parada Varejo Tramontina e Fetina de Formaio

Nossa próxima parada foi na cidade de Carlos Barbosa, onde está instalada a fábrica da Tramontina. A fábrica toma praticamente a cidade toda.

Nem é preciso dizer que é a principal geradora de empregos da cidade. No centro da cidade há uma loja gigante da empresa. Que foi nossa primeira parada em Carlos Barbosa.

Na entrada da loja da Tramontina  há um robô cozinheiro, que utiliza utensílios de cozinha da empresa e dá tchauzinho e manda beijo aos visitantes.

Em frente a loja da Tramontina está a loja Fetina de Formaio onde é possível degustar queijos deliciosos, além de salame de javali, salames tradicionais e uma variedade de doces, uma delícia. 

De lá partimos para a estação de trem onde iniciaríamos o passeio de Maria Fumaça.

Durante o percurso no Vale dos Vinhedos, nossa guia nos mostrou várias outras vinícolas e casas de queijos, mas que não chegamos a visitar. Nos deu dicas sobre as visitas e degustações. Segundo informações passadas por ela, quase todas as vinícolas e casas de queijos e embutidos, oferecem degustação de seus produtos, e caso não esteja explícito, é só perguntar. Nas vinícolas a degustação é paga, nas casas de queijo é gratuita.

Casa de queijos - Fetina de Formaio
Casa de queijos – Fetina de Formaio

 

Sobre o trem Maria Fumaça da Giordani Turismo

A Maria Fumaça faz o percurso entre Bento Gonçalves e Carlos Barbosa, ida e volta. As locomotivas utilizadas no passeio são os modelos Mikado 156, fabricada nos Estados Unidos  em 1941 e Yung 4, fabricada na Alemanha em 1954, segundo informações da Giordani Turismo.

O percurso do passeio tem 23 km a uma velocidade que varia entre 20 a 23 km por hora. A alimentação da locomotiva da Maria Fumaça é feita com a queima de briquetes, que são pequenos troncos feitos de forma sustentável pela Giordani Turismo com pó de madeira compactada. A água utilizada para mover a locomotiva é captada das chuvas.

Uma curiosidade sobre o trem a vapor, é que ele foi utilizado como cenário do filme “O Filme da minha vida” que deverá ser lançado em 2017.

Maria Fumaça na Estação Garibaldi
Maria Fumaça na Estação Garibaldi

 

Passeio de Maria Fumaça de Carlos Barbosa a Bento Gonçalves

Bem, nossa guia entregou-nos nossos ingressos e iniciamos o passeio de Maria Fumaça. Durante o percurso, uma tripulante foi contando a história da Maria Fumaça e seu funcionamento, com muito bom humor.

Após alguns minutos de movimento do trem, paramos na estação de Garibaldi, onde fomos recebidos com um show de um conjunto local com músicas tradicionais italianas. A atração era o tocador de acordeon, um garotinho de no máximo 8 anos, uma graça.

Além do show houve a degustação de vinhos e sucos produzidos pela Vinícola Garibaldi. Uma experiência deliciosa, além de ser o momento em que todos tiram suas fotos junto a locomotiva da Maria Fumaça. Disputa acirrada por um espaço…rs

Após partirmos em direção a última parada, Bento Gonçalves, fomos surpreendidos por shows de música, dança e teatro. De tempos em tempos éramos surpreendidos por um espetáculo. Primeiro foi o cantor de tarantela e tocador de acordeon que nos brindou com seu show de música italiana.

Em seguida houve a apresentação de um coral que além de tocar e cantar músicas italianas, seus integrantes chamavam os turistas para dançar no corrredor do trem.

Depois do coral, tivemos a apresentação das meninas do acordeon, cantando músicas típicas gaúchas. Maravilhoso e que trouxe muitas lembranças boas de tempos de infância.

Quando pensamos que o show havia terminado, tivemos a surpresa de um stand up comedy, apresentado por duas atrizes excelentes e muito divertidas que interagem com a plateia. Apresentando uma história muito divertida, e assim terminaram os shows.

Chegando a Estação Garibaldi
Chegando a Estação Garibaldi
Fim do passeio de Maria Fumaça

Ao chegarmos a Bento Gonçalves, fomos recebidos com mais música, mais vinho e suco. No final nossa Guia estava esperando na estação de trem para levar os turistas a seus hotéis.

O serviços prestados pela Giordani Turismo são de excelente qualidade, com profissionais super qualificados e com alto conhecimento sobre a região. Este passeio é maravilhoso.

Adorei demais o passeio de Maria Fumaça, cheio de história, arte e diversão. Espero que você se inspire a conhecer estes lugares maravilhosos, garanto que irá adorar. Agora me diga, já fez este passeio? Como foi sua experiência? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário aqui embaixo, terei prazer em responder. Gostou desta dica? Então siga o blog no Facebook, Instagram e Pinterest para saber mais novidades.  Até o próximo post.

103 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 101 LinkedIn 2 Google+ 0 Filament.io 103 Flares ×
Seguir Alessandra Lima:

SEO e Redatora

Sou Alessandra, uma pessoa apaixonada por viagens. Sou formada em Comércio Exterior e escrevo o blog De Cá Pra Lá desde 2014. Adoro ler e tirar fotos, principalmente das paisagens dos novos lugares que conheço. Seja bem vindo ao blog De Cá Pra Lá.

6 Responses

  1. Diego Cabraitz Arena

    Esses passeios de trem são tão interessante, uma pena não serem tão explorados no Brasil como na Europa. Com certeza farei quando visitar a cidade, ainda mais depois juntando com o museu e vinicola. Roteiro perfeito.
    Obrigado por compartilhar

    • Alessandra Lima

      Olá Diego,
      Este passeio vale muito a pena. Também adoro passeios de trem.
      Fico feliz que tenha gostado. Obrigada.
      Abraços.
      Alessandra.

  2. Renata Rocha Inforzato

    Vendo o seu post, vejo como preciso conhecer mais o Brasil. Espero que em breve isso aconteça. Sou louca por passeios de trem e fazer todas essas atividades por um preço único é muito prático. Pena que o poder aquisitivo do brasileiro seja tão baixo. Eu também sucumbiria à tentação de fazer a degustação em outras vinícolas e queijarias…

  3. Gabriela Torrezani

    Você não é a primeira pessoa que diz que esse passeio de Maria Fumaça é imperdível. Muito bom saber! O que mais faz brilhar meus olhos são a visita à Miolo e a comida típica italiana hahahahaha 😉

    • Alessandra Lima

      Olá Gabriela,
      Quando tiver oportunidade, faça este passeio, vale a pena.
      Você vai conhecer lugares encantadores.
      Abraços.
      Alessandra.

Deixe uma resposta